NOSSOS DOCES

 

Os docinhos são a grande tentação de qualquer festa e muitas pessoas dispensam alguns pratos salgados ou até a sobremesa para poder comer mais estas guloseimas. Optamos por 3 tipos de doces para nossas composições: base de chocolate, frutados e oleaginosas, todos delicadamente decorados e entregues em forminhas de acetato cristal com medida de 3,5 x 3,5cm. A montagem da mesa de doces faz parte do projeto de decoração do Palatino, estando inclusas as peças e o serviço de coperagem durante a festa.

DICAS IMPORTANTES
 
Visão geral: pense nela como cenário da festa e invista na decoração. Ela é a peça central do projeto decorativo, podendo estar junto ou separado da área do bolo.
 

Acessórios: prata, dourado, cobre, latão, cristal, espelho, rattan, porcelanas, madeira, ferro... são muitas as opções para montagem da mesa de doces de acordo com o estilo da decoração.

 

Suportes: alturas diferentes são boas pedidas, mas, também há uma forte tendência por mesas planas, com pouco suporte, usando bandejas e a própria mesa (conhecida também por mesa mosaico ou tapete)

 

Cor e tipo das peças: suportes em prata são tradicionais e combinam com quase todos os outros tipos de materiais. Porém, dourado e cobre, além das coloridas e com padronagens, estão super em alta, inclusive na versão envelhecida.

 

Posicionamento: sugirimos que a mesa fique posicionada de forma que os convidados tenham fácil acesso à ela.

 

Horário da montagem: geralmente a montagem dura 3h antes do início do evento, para deixá-la pronta com 1h de antecedência.

 

Copeira: É necessário uma copeira de mesa para mantê-la arrumada, saber informar os doces por nomes (e de que eles são) e repor o “estoque” dos doces nas mesas, inclusive trocando os pratos maiores por menores conforme eles forem acabando.

 

É tudo free: não é de bom tom impedir o acesso à mesa. Se quer determinar a hora de acesso aos doces, opte por uma sala (e não uma mesa), aberta no horário pré-determinado. Do contrário, logo após o jantar, os convidados já consomem os doces.

 

 

 

IDÉIAS MAIS QUE INTERESSANTES!

 

Tags com o nome dos doces: não é obrigação, mas ajuda muito. Principalmente a um convidado alérgico a algum ingrediente. Também se pode colocar o nome dos doces no cardápio das mesas ou em uma lista com todos os tipos em algum ponto da área de doces,

 

É elegante preocupar-se em deixar um garçom sempre com água perto da mesa de doces. É uma ideia bacana também colocar vinho doce gelado para servir nos arredores da mesa, e, com uma mesa bem servida, bandejas volantes com os doces são dispensáveis.

 

Mesas temáticas, em especial, para eventos corporativos ou debutantes: vale tudo! Produções tailandesas, italianas, mesas temáticas de “Las Vegas”, de “boteco”… O que direciona são as peças usadas na montagem e parte dos doces personalizados com tal cultura.

 

Glicose mode on! Importante lembrar: quanto + bebida disponível, + doces devem ser servidos para a festa durar, já que o doce garante a glicose necessária para neutralizar o álcool.

 

Para levar pra casa! Disponibilizar uma embalagem para os convidados levarem os doces é muito legal, “um plus necessário” em casamentos atuais. Importante lembrar que, nesse caso, deve-se acrescentar à conta de doces/pessoa esses 4 doces (ou seja, 6+4), porque todos acabam levando e fica feio acabar sem que todos os tenham acesso a eles (seja na festa, seja para levar), bem como, só distribuir as embalagens após os convidados se servirem dos mesmos.

 

 

TIPOS DE DOCES PALATINO

 

Optamos por 3 tipos de doces para nossas composições: base de chocolate, frutados e oleaginosas.

  • Gourmet: utilizamos chocolates nobres e insumos de alta qualidade para elaboração de nossos doces.

 

  • À brasileira: brigadeiros gourmet com gostinho de infância.! Brigadeiros, beijinho, bem-casado... são praticamente indispensáveis e fazem sucesso em qualquer festa!

 

Todo mundo vai querer!  Chocolates e ganaches. sugerimos 40% do menu com base em chocolate.

Sabores de frutas clássicas como limão, maracujá e coco são bem apreciados, bem como frutas exóticas como a Phisalys e sabores elegantes como frutas do bosque e cerejas. Sugerimos 30% do Menu para esses tipos de doces. As oleaginosas são um deleite à parte: pistache, castanhas, amendoim, nozes e amêndoas ficam com 30% restante do menu de doces do evento.

 

 

Receita de família: caso exista uma tradição familiar ou cultural, como famílias de outros lugares do mundo, é incrível oferecer doces típicos. Ex: doces sírios para famílias de origem palestina ou aquele docinho divino da sua avó.

 

QUANTIDADE: CÁLCULO PARA A MESA DOCES DO CASAMENTO

 

 

O que considerar: o número de doces calculado por pessoa varia de acordo com o tipo de serviço, as preferências do casal e a época do ano.

 

Cálculo: a média são 6 doces por convidado, caso tenha outro sobremesa, e 8 a 10 doces se a mesa eles for a única opção.

 

Quanto à variação de sabores, procure colocar no máximo 5 qualidades para o total de 500 doces, de 7 a 8 sabores para o total de 1000 doces e de 8 a 12 sabores para o total de 2000 doces. Coloque de tudo: chocolate, frutado e oleaginosa, INCLUSIVE o que você não aprecia. Pense em agradar os convidados.

 

E quanto de cada? O ideal é ter no mínimo 30 unidades de cada tipo dos doces mais elaborados e os mais simples, como brigadeiros, até 100 unidades para darem volume à mesa.